OUTRAS PREFEITURAS PELO BRASIL ENTREGAM COM REGULARIDADE OS KITS ALIMENTAÇÃO EM SERTÂNIA ISSO ESTÁ OCORRENDO DE FORMA DEFICIENTE

Apesar de ter sido aprovada pela Câmara de Vereadores do município de Sertânia, a lei que concede direito aos estudantes da rede municipal de ensino de receberem o kit alimentação, substituindo a merenda que não está sendo distribuída nas escolas municipais, a distribuição está sendo feita de dois em dois meses, denuncia os pais de estudantes.

“Recebemos em abril e em junho, e onde estão os kits dos meses de maio e julho? Além do mais não entendemos essa tal distribuição que em alguns kits faltam itens e se a merenda é feita com carne de galinha, charque e outros itens, por que não vêm no kit? E cadê a regularidade nessa entrega? E se tivesse aula os alunos estariam recebendo dia sim dia não?”, desabafa uma mãe.

Estranho isso sertaniense, pois enquanto o prefeito de Sertânia está preocupado em assinar ordens de serviços para construção de praças, quadras e outras coisas com o intuito de talvez conseguir notoriedade eleitoral, o clama por assistência e o Kit alimentação está inserido nessa necessidade, sem falar que o raio X do hospital ainda está lá apenas montado mas não funciona e nem temos um bloco cirúrgico e nossos filhos continuam a nascer em outras cidades, lamentável isso.

ISSO É SERTÂNIA, CESTAS BÁSICAS QUE SÉRIA DISTRIBUIDO PARA OS ALUNOS DA REDE MUNICIPAL, NÃO ESTÁ SENDO DESTRIBUIDO COMO ERA PRA SER.

Publicado por Portal Sertaniense em Quinta-feira, 6 de agosto de 2020

O repórter Adriano Neves fez uma reportagem nesta quinta-feira, dia 6 e até procurou a secretaria de educação do município para saber sobre o tal kit, mas infelizmente não foi recebido pela gestora da pasta adequadamente, teve que esperar até meio dia na para ver se falava com a mesma e já foi atendido na calçada da secretaria, depois de muita insistência, as explicações foram evasivas para o atraso.

Mas pergunta continua a ser feita pelas mães e pais de estudantes. Por que o kit alimentação não está sendo distribuindo de dois em dois meses? E por que está faltando alguns itens? E o dinheiro que foi empregado para a compra da merenda escolar, diminuiu com a pandemia da COVID-19??

Enquanto isso o prefeito Ângelo Ferreira que parece está em plena campanha, faz ouvido de mercador e não responde essas questões e os pais de estudantes e os cidadãos sertanienses ficam a mercê de tudo isso, observando uma cidade com a perfeição que só existe na propaganda institucional da prefeitura de Sertânia.

Triste isso!!

Print Friendly, PDF & Email
COMPARTILHAR
Artigo anteriorPERNAMBUCO TEM 1.074 NOVOS CASOS DA COVID-19 E 70 MORTES
Próximo artigoMAIS UM SERTANIENSE PERDE A VIDA PARA COVID-19. AGORA SÃO NOVE MORTES
Esequias Cardoso
Esequias Cardoso foi policial civil durante 10 anos, é jornalista de acordo com o registro profissional nº 7052/PE, é professor concursado da rede oficial de ensino do Estado de Pernambuco, graduado e pós graduado em História, pela Autarquia de Ensino Superior de Arcoverde - AESA e Universidade de Pernambuco - UPE respectivamente. Também é pós graduação em Gestão e Coordenação em Educação pela Universidade de Pernambuco - UPE. Atualmente faz Mestrado em Sociologia pela Universidade Federal de Campina Grande- Campus Sumé-Paraíba PARA ENTRAR EM CONTATO CONOSCO LIGUE (87) 9.9648.1349 ou 9.9139.9084 (whats app)

DEIXE UMA RESPOSTA

Faça um comentário!
Coloque seu nome aqui