IMAGEM ILUSTRATIVA

Nesta terça-feria, dia 17, policiais militares da GT de Tupanatinga quando em rondas e abordagens foi solicitada pela vítima, uma adolescente de 17 anos de idade, que relatou que estava em sua residência quando seu companheiro chegou e a mesma que estava com filho no braço pediu para que seu companheiro pegasse o menino que também é filho dele para cuidar, pois ela tinha muitos afazeres em casa e não tinha como fazer por causa da criança.

Foi quando o imputado de 19 anos de idade, a chamou de desocupada e não ia pegar o menino e foi pra cima da vítima e a agrediu com chutes na perna esquerda.

Diante do fato relatado, o efetivo fez deslocamento ao local onde o imputado se encontrava e o conduziu à DP de Arcoverde onde o imputado foi autuado em flagrante delito por lesão corporal e violência doméstica e será apresentado em audiência de custódia.

Print Friendly, PDF & Email
COMPARTILHAR
Artigo anteriorGOVERNO DE PERNAMBUCO ANUNCIA MEDIDAS MAIS RIGOROSAS DE COMBATE À COVID-19
Próximo artigoMPPE COBRA AÇÃO DE PREFEITOS
Esequias Cardoso
Esequias Cardoso foi policial civil durante 10 anos, é jornalista de acordo com o registro profissional nº 7052/PE, é professor concursado da rede oficial de ensino do Estado de Pernambuco, graduado e pós graduado em História, pela Autarquia de Ensino Superior de Arcoverde - AESA e Universidade de Pernambuco - UPE respectivamente. Também é pós graduação em Gestão e Coordenação em Educação pela Universidade de Pernambuco - UPE. Atualmente faz Mestrado em Sociologia pela Universidade Federal de Campina Grande- Campus Sumé-Paraíba PARA ENTRAR EM CONTATO CONOSCO LIGUE (87) 9.9648.1349 ou 9.9139.9084 (whats app)

DEIXE UMA RESPOSTA

Faça um comentário!
Coloque seu nome aqui