ÂNGELO FERREIRA NÃO ASSUMIU A RESPONSABILIDADE DA NOTA MEDÍOCRE RECEBIDA PELA SUA GESTÃO NO RANKING DOS PREFEITOS PUBLICADO SITE LIBERDADE.COM

O prefeito de Sertânia Ângelo Ferreira até que tentou mostrar que a educação em sua gestão está uma maravilha, acreditando inclusive, que educação é apenas estrutura física, achando que suas licitações milionárias para reformar escolas fazem educação melhorar, pode até ajudar, mas não tem jeito se não se investir na formação de professores, se não se investir na estrutura humana. O que se ver na atual administração municipal são professores colocados sem concurso público e através de indicação política, e como seu governo parece gostar muito de maquiagens (gosta de aparecer bem na fita), investir em algo que aparentemente não aparece não é seu forte.

O prefeito de Sertânia, parece acreditar que ir a rádio com seu bla bla bla ou ornamentar praças, colocar luminárias de preferência de LED, pintar prédios e colocar as cores do seu partido em tudo que é repartição pública e fardamentos vai fazer com que os órgãos fiscalizadores e a própria população acredite apenas nisso para lhe avaliar, lerdo engano pensar que apenas isso lhe dar notoriedade. É preciso um investimento maior na educação, no professorado, que são os principais protagonistas para alavancar a nossa educação, sem isso, vai-se apenas tentar manipular números e fazer uma propaganda enganosa. Para ilustrar bem isso observemos que o prefeito de Sertânia na sua enfadonha nota sobre o seu pífio resultado no ranking dos prefeitos(ficando quase el último lugar no quesito educação), sequer citou que no Índice de Desenvolvimento da Educação Básica (Ideb), deixou o município lá embaixo. Ali prefeito os números não mentem, ali não se pode maquiar. É a verdade nua e crua!

Vamos comparar prefeito?? Vamos desconstruir esse seu discurso cheio de falsa propaganda de que sua educação está melhor do que a da administração anterior que você tanto criticou, e vamos mostrar números viu, e contra números não há argumentos.

Então vamos a eles: de 4º a 5º séries o ex-prefeito Guga Lins conseguiu atingir a meta que está prevista para o ano de 2021, atingindo o índice de 5.4 em 2015, agora o prefeito, com toda sua propaganda, alardeando que faz um governo melhor do mundo, mas que a população sabe, pois está sentindo na pele, que trata-se de um governo medíocre, mais que baixou a nota e atingiu a média de 4.7. Sertânia ficou atrás de município como Iguaracy, Tuparetama, Calumbi, Carnaíba, Ingazeira, Itapetim, Ibimirim, Flores e tantos.

OS NÚMEROS NÃO MENTEM: IDEB DE ATUAL DE SERTÂNIA CAIU FEIO. A ATUAL GESTÃO PERDEU PARA A GESTÃO GUGA LINS, GESTÃO QUE CONSEGUIU A INVEJÁVEL META DE 5.4, META PREVISTA PARA SER ALCANÇADA EM 2021. 

Já nas séries de 8º a 9º ano, a administração Ângelo Ferreira, perde de novo para a gestão Guga Lins. A atual gestão baixou ainda mais este índice ficando com 3.6 contra 3.8 do governo Guga Lins.

OUTRA DERROTA DO GOVERNO ÂNGELO FERREIRA PARA A ADMINISTRAÇÃO QUE ELE TANTO CRITICOU: BAIXOU AINDA MAIS O ÍNDICE DAS SÉRIES DE 8ª A 9º ANO. EM SERTÂNIA A COISA “TÁ PRETA” OU MELHOR “CINZA”!!!

Essa é a verdade prefeito, a ONG não errou nada, não avaliou gestão passada coisa nenhuma, avaliou a sua gestão. O prefeito de Sertânia, tentar manipular os números, tenta, com sua falsa propaganda,  mostrar que faz um ótimo governo, apenas tenta, pois a população, em sua grande maioria, sente na pele a mediocridade desse mesmo governo, recheado de licitações milionárias.

Além do mais, já que o prefeito Ângelo Ferreira fez questão de esquecer que outras entidades, como SUDENE e TCE o avaliaram como um péssimo gestor, reprovando-o, nós do Tribuna vamos lembra-lo.

NO DIA 1º DE AGOSTO DE 2018 PROFESSORES MUNICIPAIS PARARAM SUAS ATIVIDADES E GANHARAM ÀS RUAS BUSCANDO NEGOCIAR MELHORIAS PARA A CLASSE.

A SUDENE, divulgou no dia 13 de dezembro de 2018(ver matéria aqui), um ranking dos municípios que melhor aplicaram os recursos financeiros e vergonhosamente, a gestão Ângelo Ferreira, ficou bem abaixo nesses novos dados. Para o leitor ter uma ideia, enquanto a cidade de Dormentes alcançou 6.263, o município de Sertânia ficou com a medíocre nota de 1.385. Vergonhoso isso, vergonhoso sim, já o atual prefeito já administrou nosso município por duas vezes, sendo esta a terceira vez e que, de forma soberba, dava aula de gestão pública quando era oposição.

Será que  SUDENE também era uma entidade de direita quando o avaliou? Será que a SUDENE também pode ter recebido dinheiro dos prefeitos para fazer essa avaliação, como insinuou o prefeito sobre o site Liberdade?

No caso de prefeituras, como a de Sertânia, que não conseguiram uma boa avaliação no ranking da SUDENE, elas serão capacitadas pela Superintendência e o Programa das Nações Unidas para o Desenvolvimento (PNUD).Ou seja, no linguajar da escola, terão aulas de recuperação.

A SUDENE informou que iniciativa faz parte do projeto “Avaliação da Qualidade dos Gastos dos Municípios da Área de Atuação da Sudene”, que é fruto de uma parceria com o PNUD.

E para não ficar só nessa avaliação vamos trazer a avaliação do Tribunal de Contas de Pernambuco, o TCE, o mesmo que cancelou aquela famigerada seleção inventada pelo prefeito e também cancelou uma licitação milionária de compra de combustível que seria feita pela prefeitura, ali em sua página, aquela entidade  trouxe uma notícia que para o cidadão consciente não é novidade nenhuma, ou seja, a prefeitura de Sertânia, que é comandada pelo gestor Ângelo Ferreira, recebeu uma nota medíocre do TCE, nota C, isso de acordo com resultado da efetividade da gestão de municípios pernambucanos, Sertânia está entre as cidades que recebe nota mais baixa do TCE, nota C (ver matéria aqui)

Em um ranking que vai de A , B+, B, C+, C, sendo “C” o pior resultado.

O TCE avalia a efetividade da gestão administrativa das prefeituras. O índice é composto por sete indicadores englobando as áreas da Educação, Saúde, Planejamento, Gestão Fiscal, Meio Ambiente, Proteção das Cidades e Governança da Tecnologia da Informação.

Agora depois desse resultado vamos acreditar que o prefeito em suas falas propagandas seja mais realista e que perceba que o povo sertaniense vem percebendo e sentindo na pele em seu dia a dia o que de fato é sua administração. Uma administração medíocre, que só benefícios sua família, pra TODOS são empregados no setor público com salários enormes.


HOJE, DIA 6, NOVEMBRO A PREFEITURA NOVAMENTE RECEBEU A “VISITA” DOS FISCAIS DO TRIBUNAL DE CONTAS. TORNOU-SE UMA CONSTANTE ESSAS VISITAS. 

Uma coisa é a Sertânia da falsa propaganda do prefeito Ângelo Ferreira, outra coisa é a cidade descrita na avaliação de efetividade da gestão administrativa do TCE, da SUDENE e agora pelo portal LIBERDADE.COM.

É mais uma melancólica e triste notícia para nosso município.

Para o leitor consciente e independente do Tribuna do Moxotó isso não é novidade nenhuma. Sertânia padece de uma péssima administração que de forma egocêntrica não olha para o seu cidadão, do os para empregar seus parentes.

O RESULTADO PUBLICADO PELA ONG.LIBERDADE DEIXANDO SERTÂNIA ENTRE AS PIORES CIDADES EM EDUCAÇÃO DE PERNAMBUCO FOI MOTIVO PARA QUE A OPOSIÇÃO EMITISSE UMA NOTA REPUDIANDO O RESULTADO.

Fácil deduzir os motivos que fizeram a educação da gestão Ângelo Ferreira está de abaixo, sua gestão conta um número alto de contratados, o concurso público só aconteceu porque o MPPE o recomendou e ali ele teve que assinar um TAC para abrir em 120 dias um concurso, mas mesmo com concurso vão ficar muitos professores contratos para contemplar sua política assistencialista e coronelística e diante disso, muitos sem nenhuma preparo. Afinal não custa nada lembrar alguns fatos e vamos levar aqui os links para que o leitor perceba os motivos que fizeram Sertânia aparecer entre quase último lugar no ranking da educação em Pernambuco, 177 ficando há apenas 8 cidade para ser a ultima.

Eis apenas alguns fatos:

ABSURDO: PREFEITURA DE SERTÂNIA DESCONTA SALÁRIOS DE PROFESSORES COM A CONIVÊNCIA DO SINTEMUSE

GOVERNO DO CAOS: PREFEITURA DE SERTÂNIA CONTINUA SEM SECRETÁRIO DE EDUCAÇÃO

PROFESSORES MUNICIPAIS EM SERTÂNIA GANHAM AS RUAS COBRANDO ENQUADRAMENTO.

MÃE DENUNCIA ESCOLA EM SERTÂNIA DE EMBRULHAR BOLO EM PAPEL HIGIÊNICO DE FILHA. VEJA VÍDEO

E agora sertaniense entenderam porque o ranking dos prefeitos publicados pelo site https://www.rankingprefeitospe.ong.br/ não é da administração passada?? Aliás o referido site que foi detonado pelo prefeito de Sertânia por ter recebido uma das piores notas entre os 185 prefeitos de Pernambuco, explica que trata-se de uma ONG, sendo uma instituição suprapartidária, sem fins lucrativos e que não recebe recursos públicos. Trabalhando a favor da liberdade econômica, contra a corrupção e os privilégios. Com base em dados abertos, fornecidos por órgãos de fiscalização do Estado, desenvolvendo o  Ranking dos Prefeitos. Uma ferramenta simples para ajudar o cidadão na avaliação da gestão municipal. Só isso. Apenas porque os números não foram satisfatórios para o prefeito Ângelo Ferreira ele tentar denegrir o site. Que isso Prefeito???? Que coisa feia!!!

COMPARTILHAR
Artigo anteriorNOTA PÚBLICA – CUSTEIO DE DIÁRIAS INTERNACIONAIS PELO TJPE
Próximo artigoHOMEM É ASSASSINADO COM VÁRIOS TIROS NO CRUZEIRO EM CUSTÓDIA
Esequias Cardoso
Esequias Cardoso foi policial civil durante 10 anos e hoje é professor concursado da rede oficial de ensino do Estado de Pernambuco, graduado e pós graduado em História, pela Autarquia de Ensino Superior de Arcoverde - AESA e Universidade de Pernambuco - UPE respectivamente. Também é pós graduação em Gestão e Coordenação em Educação pela Universidade de Pernambuco - UPE. Atualmente faz Mestrado em Sociologia pela Universidade Federal de Campina Grande- Campus Sumé-Paraíba PARA ENTRAR EM CONTATO CONOSCO LIGUE (87) 9.9648.1349 ou 9.9139.9084 (whats app)

DEIXE UMA RESPOSTA

Faça um comentário!
Coloque seu nome aqui