A oposição de Sertânia, encabeçada pelos vereadores Vando do Caroá, Dóia, Damião Silva, Junhão Lins, Vino Veras, Orestes Neves e o ex-prefeito Guga Lins, emitiram nota para imprensa e em carro de som, mostrando toda indignação e repúdio com relação a decisão do Tribunal de Contas do Estado de Pernambuco, onde condena a ex-prefeito Cleide, esposa do atual prefeito Ângelo Ferreira e o atual vereador Edmundo José Alvesa, Mundico, então secretário de obras da prefeitura em 2009.

Tanto a ex-prefeita Cleide quanto o vereador Mundico foram condenados terão que devolver aos cofres públicos quantia de mais de meio milhão de reais, para ser exato a quantia de R$ 532.588,46 (QUINHENTOS E TRINTA E DOIS MIL REAIS, QUINHENTOS E OITENTA E OITO REAIS E QUARENTA E SEIS CENTAVOS).

Esta auditoria especial foi realizada pelo TCE-Tribunal de Contas de Pernambuco,  sobre  a contratação e a execução dos serviços de limpeza urbana, durante o ano de 2009, onde foi constatado a contratação excessivas de caminhões caçambas, para coleta de lixo, carros estes que ficavam parados em pátios, porém eram pagos como se estivessem trabalhando integralmente.

“Este processo é um bom exemplo da aplicação inadequada do dinheiro público, onde foram licitados 8 (oito) veículos caçamba, sendo 6 (seis) para a coleta de entulho, entretanto, na prática, o município não consegue utilizar nem 2 (dois) veículos ao mesmo tempo, visto que tecnicamente é impossível com 1 (uma) pá carregadeira utilizar mais do que 2 (duas)caçambas, principalmente porque a distância para descarregar é pequena”, diz o TCE em sua decisão.

SERVIÇO DE MÁ QUALIDADE

Em sua decisão o Tribunal tece severas críticas ao tipo de serviço prestado a população pela então prefeita: “O pior é que, além de pagar, sem efetivamente utilizar, ainda executa um serviço de má qualidade, visto que a cidade está cheia de entulho. Isto ocorre pela má administração da execução dos serviços, sendo que foi observado que os veículos não cumprem a carga horária diária, alguns veículos trabalham menos de 4 horas por dia, como pode ser verificado no Diário de Operação do Compactador e das Caçambas.

A responsabilidade recai sobre a Sra. Lucicleide Xavier Ferreira dos Santos (Prefeita) por ter permitido a instauração de procedimentos à margem da legalidade, cujas omissões e falhas levaram a um grande dano ao erário”, diz a decisão do TCE.

Escute a nota que a oposição está veiculando em carro de som e encaminhou a blogs e jornais regionais.

Leia a Nota:

NOTA DAS OPOSIÇÕES DE SERTÂNIA

VERGONHA SERTÂNIA!!!

MAIS UMA VEZ O PSB DE SERTÂNIA, O PSB DO ATUAL PREFEITO ÂNGELO FERREIRA É PEGO DE CALÇAS CURTAS PELO TRIBUNAL DE CONTAS DE PERNAMBUCO, CLEIDE FERREIRA,  EX PREFEITA E ESPOSA DO ATUAL PREFEITO, E O SEU ENTÃO SECRETÁRIO DE OBRAS, O VEREADOR MUNDICO, FORAM CONDENADOS AO PAGAMENTO DE MAIS DE MEIO MILHÃO DE REAIS, A ACUSAÇÃO???? SUPERFATURAMENTO DE ALUGUEL DE MÁQUINAS E OUTROS DESVIOS EM SERVIÇOS DE LIMPEZA PÚBLICA,  PRATICADOS NA GESTÃO DELA, NA GESTÃO DA ENTÃO PREFEITA CLEIDE FERREIRA, NO ANO DE 2009. QUE VERGONHA SERTÂNIA!!

É SERTANIENSES, A JUSTIÇA TARDA MAIS NÃO FALHA, E O POVO DE SERTÂNIA ASSISTE ATURDIDO MAIS UM ESCÂNDALO DO GRUPO DO ATUAL PREFEITO.

CONTINUAREMOS AQUI FISCALIZANDO, FIRMES E FORTES NO SENTIDO DE PROTEGER O POVO DE SERTÂNIA E TUDO POR UMA SERTÂNIA SEM ESCÂNDALOS, SEM MAQUIAGENS MIDIÁTICAS E PARA TODOS.  

OPOSIÇÃO DE SERTÂNIA

 

COMPARTILHAR
Artigo anteriorBAIXA NO TRÁFICO DE DROGAS EM SERTÂNIA: HOMEM É PRESO COM QUASE MEIO QUILO DE COCAÍNA
Próximo artigoDIA 22 ÀS 19 HORAS: VEM AÍ A GRANDE CAMINHADA DO FORRÓ DE SERTÂNIA
Esequias Cardoso
Esequias Cardoso foi policial civil durante 10 anos e hoje é professor concursado da rede oficial de ensino do Estado de Pernambuco, graduado e pós graduado em História, pela Autarquia de Ensino Superior de Arcoverde - AESA e Universidade de Pernambuco - UPE respectivamente. Também é pós graduação em Gestão e Coordenação em Educação pela Universidade de Pernambuco - UPE. Atualmente faz Mestrado em Sociologia pela Universidade Federal de Campina Grande- Campus Sumé-Paraíba PARA ENTRAR EM CONTATO CONOSCO LIGUE (87) 9.9648.1349 ou 9.9139.9084 (whats app)

DEIXE UMA RESPOSTA

Faça um comentário!
Coloque seu nome aqui