Nesta quarta-feira, dia 17, a vítima, um homem 25 anos de idade, estava em uma festa no centro da cidade de Buíque, quando após se envolver em uma confusão, foi ferido por um golpe de faca peixeira na região da virilha, vindo a ser socorrida ao Hospital Regional de Arcoverde e posteriormente transferida para Caruaru em razão da gravidade dos ferimentos, todavia, segundo avaliação médica, a saúde do paciente é estável.

Os responsáveis pela agressão foram localizados e no momento estão sendo apresentados na delegacia local.

Nesta data por volta de 01h00, a GT de Operações de Arcoverde tomou conhecimento de uma tentativa de homicídio utilizando uma arma branca (faca), onde foi feito um deslocamento até o município de Buíque onde iniciaram diligências com a Rocam de Buíque.

Após as diligências, tomaram conhecimento através de uma testemunha que o menor de 14 anos de idade, na companhia de outro menor, de 17, deu um golpe de faça peixeira na vitima, atingindo-a na altura do umbigo.

Uma testemunha, que é primo da vítima, estava com ela no local do crime e são primos. A vitima, foi encaminhada para o hospital de Arcoverde e em seguida, devido a gravidade do ferimento foi transferida para o Hospital do Agreste em Caruaru.

Após denúncias, a polícia militar efetuou deslocamento até o Sitio Capitão Bezerra e o menor de 14 anos é dono de uma casa no local, onde ele e o outro menor de 17, que também participou da tentativa de homicídio, foram localizados, e ainda estavam na casa além de outro menor, um adulto e mais três adolescentes do sexo feminino, onde todos ingeriam bebida alcoólica na casa.

A casa foi cercada pelos policias, que bateram na porta e determinaram que todos saíssem da casa com as mãos na cabeça, e foi dito ao menor infrator que fechasse a casa, pois todos iriam para a Delegacia de Polícia prestar esclarecimentos.

A faca utilizada no crime não foi localizada. As três adolescentes de sexo feminino (vitimas) que estavam em companhia dos menores, foram entregues aos pais na delegacia de Buíque.

A polícia militar esclarece ainda que a testemunha presenciou a tentativa de homicídio e é imputado, pois é o responsável pela bebida alcoólica que os menores bebiam junto com ele no local.

Informa ainda a Policia Militar que as partes conduzidas foram entregues na DP de Buíque sem sofrer quaisquer agressões físicas ou morais por parte do policiamento. Resultado Prisão em flagrante delito por ato infracional para os menores de idade e o imputado respondera por TCO.

DEIXE UMA RESPOSTA

Faça um comentário!
Coloque seu nome aqui