ADRIANO FALOU COM EXCLUSIVIDADE AO TRIBUNA DO MOXOTÓ SOBRE A AGRESSÃO SOFRIDA PELO PREFEITO ÂNGELO FERREIRA

Na última segunda feira Sertânia assistiu um espetáculo deprimente em que o prefeito Ângelo Ferreira e sua claque, de forma destemperada, arrogante e até covarde, humilhou um simples líder comunitário da zona rural do município de Sertânia, pelo simples fato deste, juntamente com outros tantos líderes comunitários, cobrarem do prefeito de Sertânia assistência médica para os seus, ou seja, pedindo o que é de direito: saúde de qualidade e atendimento médico, já que, segundo eles, são 5 meses sem nenhuma assistência nas várias comunidades rurais no entorno do povoado de cruzeiro do Nordeste.

Como é de costume, ao se ver contrariando, o prefeito Ângelo Ferreira partiu para agredir o rapaz, colocando a mão em seu peito e o chamando de crápula. Não respeitou os líderes comunitários que ali se encontravam, inclusive, mulheres evangélicas, que certamente viram, na ação do chefe executivo, um despreparo e uma arrogância imensurável, tanto que incentivaram o agredido procurar o MPPE para ver os direitos de todos restabelecidos.

VIVEMOS SIM SOB A PERMANENTE PRESENÇA DOS CORONÉIS INSEPULTOS DA REPÚBLICA VELHA 

A atual administração deveria agradecer ao povo de Sertânia pelo poder que tem hoje, pois foi esse mesmo povo que lhe conferiu todo esse poder, lhe dando de presente tudo isso, dando-lhe prestígio junto ao governador de Pernambuco e aos seus deputados, isso mesmo leitor, ele deveria agradecer, oferecendo a esse povo saúde de qualidade; oferecendo um município para todos terem igualdade, sem esse clima de ódio e sem divisionismo e acima de tudo, sem contar com a nociva prática assistencialista, onde muitas vezes se alimenta uma massa pobre e manipulada com míseros 5 reais,uma massa de “bois” inconscientes do seu papel e sem noção de cidadania.

Verdadeiramente, deveria ser grato ao nosso povo, por deixa-lo empregar uma “ruma” de privilegiados e ungidos do seu grupo político; deveria está altamente agradecido por sido o nosso povo, responsável pela eleição do seu irmão a presidência da Câmara de Vereadores, onde ali, no alto de sua arrogância, manda e desmanda; deveria agradecer por poder colocar a seu bel prazer um sobrinho (filho do presidente da Câmara) e um irmão como secretários municipais e outros tantos empregados somente pelo critério político-partidário; ao invés de fazer uma administração medíocre e maquiada, deveria se lembrar de que foi o povo, que na última eleição elegeu seu deputado estadual e que hoje emprega seu irmão como um dos principais assessores na Assembleia legislativa de Pernambuco ganhando uma fortuna. Deveria também ficar bastante grato ao povo por ter participado da reeleção do deputado federal Gonzaga Patriota, que descaradamente, não deixa a oposição de Sertânia ter um programa em sua rádio e usa aquela emissora para se promover e promover o próprio Ângelo Ferreira e seu grupo político.

ALÉM DE NÃO TER UM ATENDIMENTO DIGNO NA SAÚDE EM SERTÂNIA, O SERTANIENSE DO ENTORNO DO POVOADO DE CRUZEIRO DO NORDESTE VIVE SEM ASSISTÊNCIA MÉDICA HÁ 5 MESES E AO SER COBRADO PREFEITO DE SERTÂNIA AINDA AGRIDE LÍDER COMUNITÁRIO

Pois é sertaniense, ele não agradece mesmo, e de forma covarde e vil, ainda agride quem votou nele e ingenuamente acreditou no seu falso projeto. No entanto, ao vê-lo praticar essas atrocidades a frente da administração municipal, teceu críticas mostrando toda sua decepção.

O mais lamentável nisso tudo é que para eles que vivem sob as benesses do poder, ninguém pode mudar de ideia, tem que ter ideia fixa, como verdadeiros alienados, verdadeiras marionetes e “paus mandados”, sem vontade própria e nem opinião, é preciso alimenta-los assim,  para que não vejam erros nenhum e ainda os aplaudam em seus absurdos. “Fulano de tal tá pensando demais, escantea-o, ele já não serve para nós”, eis o pensamento dos que hoje se encontram no poder em Sertânia.

O que ocorreu com o líder comunitário já ocorreu com muitas outras lideranças em Sertânia, pessoas ousaram pensar, deixaram de ser coniventes com as  ideias absurdas e totalitárias do coronelismo, hoje estão na planícies do poder, mas certamente felizes, pois tiveram a coragem de dar o grito de liberdade, mostrando assim pensamentos próprios, estes não se dobrarão a esse modo autoritário de fazer política e administrar um povo.

ASSISTA O VÍDEO DA ENTREVISTA COM O LÍDER COMUNITÁRIO ADRIANO VASCONCELOS, CONHECIDO POR “ADRIANO DAS PLACAS”

Estamos levando ao ar a entrevista desse líder comunitário, pessoa humilde, que até o ano passado era pessoa boa para o atual grupo político e que nunca foi deputado, nunca foi prefeito, mas que sonhou representar seu povo, através de uma cadeira no parlamento municipal, mas o prefeito de Sertânia, após usa-lo eleitoralmente, descarta-o, mostrando o que ele faz com aqueles que ousam e anseiam andar com suas pernas.

Ultimamente em Sertânia pensar com sua própria cabeça expressando opiniões é um pecado que exclui e marginaliza o cidadão. O MEDO TOMOU CONTA DE TODOS!!

Desejamos, como Adriano das Placas e tantos outros sertanienses, uma Sertânia, não de um grupo só, mas para TODOS!!

Acorda Sertânia.

COMPARTILHAR
Artigo anteriorOTÁVIO SOUZA: JORNALISTA SERTANIENSE GANHA PROGRAMA NA TV PERNAMBUCO
Próximo artigoRADIALISTA É MORTO EM SANTA CRUZ DO CAPIBARIBE. VÍDEO DE NOTÍCIAS DO AGRESTE COM OTÁVIO SOUZA
Esequias Cardoso
Esequias Cardoso é professor concursado da rede oficial de ensino do Estado de Pernambuco, graduado e pós graduado em História, pela Autarquia de Ensino Superior de Arcoverde - AESA e Universidade de Pernambuco - UPE respectivamente. Também é pós graduação em Gestão e Coordenação em Educação pela Universidade de Pernambuco - UPE. Atualmente faz Mestrado em Sociologia pela Universidade Federal de Campina Grande- Campus Sumé-Paraíba PARA ENTRAR EM CONTATO CONOSCO LIGUE (87) 9.9648.1349 ou 9.9139.9084 (whats app)

DEIXE UMA RESPOSTA

Faça um comentário!
Coloque seu nome aqui