PRÉDIO DA REDE FERROVIÁRIA SENDO DEPRECIADO POR OMISSÃO DA PREFEITURA, SEGUNDO ADVOGADO

O Tribuna do Moxotó recebeu em sua redação uma denúncia que preocupa todos aqueles que sabem e tem consciência da importância de se preservar os nosso patrimônios históricos.

João F. Neto, advogado sertaniense, traz a tona, segundo ele, a omissão da Prefeitura de Sertânia com relação ao prédio da da rede Ferroviária, que tem toda importância para nossa história, para história de Sertânia e de seus cidadãos.

Veja o que denuncia aquele competente advogado:

SERTÂNIA E SUA ILEGALIDADE REGULARIZADA PELA OMISSÃO DO PODER PÚBLICO MUNICIPAL.

A Prefeitura de Sertânia se omite em preservar um imóvel que é patrimônio histórico e cultural de nossa cidade, uma verdadeira agressão a memória ferroviária.
Pois bem, frente a tantos absurdos já corriqueiros dessa administração, a omissão ensurdecedora desses “vermes públicos”, é coisa de se estranhar, diante de uma OBRA IRREGULAR, pois é, não é que o Prefeito de Sertânia, o Sr. Ângelo Ferreira, resolveu contemplar apadrinhados políticos, se omitindo de embargar uma obra de caráter irregular num imóvel de preservação histórico e cultural de Sertânia.

Isso mesmo, como consta nas fotos, a casa do “Trolha”, como assim se chamava, está sendo reformada descaradamente por pessoas, que se acham donas do patrimônio público, e toda sociedade sertaniense, principalmente os vizinhos, estão estarrecidos com a tamanha omissão por parte desse grupo que ora está governando nossa pequena cidade, e nada fazem.

Aqui em Sertânia – PE, quem tem privilégios são os que chamamos de “Amigos da Corte”, logo, quem for próximo ao grupo do prefeito, consegue benefícios que até Deus duvida. Isso mesmo Senhoras e Senhores, até Deus duvida.

Pode alguem se apossar indevidamente de um prédio público, patrimônio histórico e cultural ?????

Aqui em Sertânia, pode!

Aqui, tudo está podendo, mas é como disse: – Basta ser ligado aos Amigos da Corte
Diversas denuncias dessa obra irregular foram feitas na prefeitura, no qual mandou um fiscal(conforme está na foto, o de camisa vermelha), para analisar a tal obra, e até agora nada fez, nada constatou de irregular, mostrando mesmo fazer os gostos do prefeito, que diga-se de passagem, tá mais sujo do que pau de galinheiro.

O FISCAL DA PREFEITURA É O DE ROUPA LARANJA

QUE FOI A OBRA E “CONVERSOU” MAS PELO QUE PARECE NADA FEZ, POIS A “OBRA” DE DEPRECIAÇÃO DO PATRIMÔNIO HISTÓRICO CONTINUOU

Aqui em Sertânia pode-se construir sem a devida licença de construção.
Aqui em Sertânia pode invadir patrimônio público, que o Município não irá contestar em absolutamente nada, claro, desde que tenha o aval do prefeito.

Vale frisar que, existe um Órgão que fiscaliza esse tipo de coisa, que é o IPHAN (Instituto ao Patrimônio Histórico e Artístico Nacional), regularizado pela Lei Federal nº 11.483/2007, onde foi editado uma Portaria nº407/2010, que trata-se justamente da PRESERVAÇÃO DOS BENS DA RFFSA(REDE FERROVIÁRIA FEDERAL S.A.), lembrando a esses escrotos que, a RFFSA foi extinta, mais ainda há quem defenda e lute pela valorização dos bens e demais patrimônio desta, e adianto desde já não irei ficar omisso frente a uma barbárie dessa.
Se o Prefeito de Sertânia é OMISSO, eu não sou!

Irei levar o caso ao Ministério Público, bem como irei registrar um Boletim de Ocorrência, pois como todos podem ver, está caraterizado descaradamente a VIOLAÇÃO AO PATRIMÔNIO CULTURAL, onde a prefeitura assiste esse filme, sem se posicionar em absolutamente nada.

Dito isto, as providências cabíveis está sendo tomada no decorrer dos dias.

COMPARTILHAR
Artigo anteriorMPPE RECOMENDA À POLÍCIA MILITAR O RESPEITO A LIBERDADE DE MANIFESTAÇÃO DURANTE O CARNAVAL
Próximo artigoDUAS ADOLESCENTES ESTÃO DESAPARECIDAS EM SERTÂNIA
Esequias Cardoso
Esequias Cardoso é professor concursado da rede oficial de ensino do Estado de Pernambuco, graduado e pós graduado em História, pela Autarquia de Ensino Superior de Arcoverde - AESA e Universidade de Pernambuco - UPE respectivamente. Também é pós graduação em Gestão e Coordenação em Educação pela Universidade de Pernambuco - UPE. Atualmente faz Mestrado em Sociologia pela Universidade Federal de Campina Grande- Campus Sumé-Paraíba PARA ENTRAR EM CONTATO CONOSCO LIGUE (87) 9.9648.1349 ou 9.9139.9084 (whats app)

DEIXE UMA RESPOSTA

Faça um comentário!
Coloque seu nome aqui