Policiais militares da GT em rondas foram solicitados pela a central do 3° BPM, para deslocarem ao presídio Advogado Brito Alves (PABA) na cidade de Arcoverde, para a fazer a condução de uma mulher de 25 anos de idade, pois a mesma introduziu 220 gramas de maconha dentro da vagina, e tentou entrar para repassar para seu companheiro detento, de 27 anos de idade, onde o mesmo já cumpre pena por tráfico.

No momento da revista a imputada estava nervosa e a agente penitenciário desconfiou do volume entre as pernas dela, a droga estava exposta pela a metade e a envolvida confessou o delito, o detento foi chamado e falou que havia pedido para a mulher levar a droga para ele.

As partes foram colocadas na viatura e levados até a residência da imputada onde foram encontrados mais 02 (dois) papelotes de “maconha”.

Posteriormente o detento e a imputada, sua companheira, foram conduzidos a Delegacia de Polícia de Arcoverde, onde foram autuados em flagrante delito.

HOMEM É EXECUTADO DENTRO DE UM BAR EM ARCOVERDE

Por volta das 12h30min a GT de trânsito da cidade de Arcoverde, foi acionada pela a central de operações, para fazer deslocamento ao hospital Regional de Arcoverde onde ali deu entrada um homem de 56 anos de idade, havia dado entrada lesionado por disparos arma de fogo.

Segundo informações os meliantes adentraram no estabelecimento, onde a vitima se encontrava trabalhando e efetuaram alguns disparos de arma de fogo contra o mesmo.

A vitima foi socorrida pelos bombeiros e deu entrada no hospital ainda com vida, em seguida veio a óbito devido a gravidade dos ferimentos.

Os acusados após efetuarem os disparos contra a vítima evadiram- se do local seguindo destino ignorado. A ocorrência foi encaminhada a Delegacia de Polícia de Arcoverde.

DEIXE UMA RESPOSTA

Faça um comentário!
Coloque seu nome aqui