O Ministério Público Federal (MPF) obteve, na Justiça Federal, a condenação do prefeito de Ipubi (PE), no Sertão do Araripe, Chico Siqueira (PSB), por atos de improbidade administrativa cometidos durante sua antiga gestão, em 2009. Também foi condenado o empresário Wagner Nascimento Queiroz de Brito.
Segundo o MPF, houve irregularidades na gestão de recursos transferidos para o município de Ipubi por meio de convênio com o Ministério do Turismo, que previa a realização e divulgação de shows para o evento ‘Ipubi Folia’. No entanto, as bandas Forró Fenomenal e Marreta You Planeta foram contratadas sem licitação prévia, por intermédio da empresa W.N.Q de Brito Empreendimentos, representada por Wagner Nascimento Queiroz de Brito, que não atendia ao critério de representação exclusiva dos artistas.
O MPF argumentou que, além de não observar os requisitos legais para o processo de inexigibilidade de licitação, o prefeito não comprovou a execução dos serviços de divulgação do evento, causando prejuízo ao erário correspondente ao valor pago à empresa responsável, no montante de R$ 11 mil.
COMPARTILHAR
Artigo anteriorSERTÂNIA E CUSTÓDIA RECEBEM INVESTIMENTOS EM ABASTECIMENTO DE ÁGUA
Próximo artigoGANDHI, KARDEC E O SANTO DE ASSIS
Esequias Cardoso
Esequias Cardoso é professor concursado da rede oficial de ensino do Estado de Pernambuco, graduado e pós graduado em História, pela Autarquia de Ensino Superior de Arcoverde - AESA e Universidade de Pernambuco - UPE respectivamente. Professor do Programa de escola Integral , atuando na Escola de Referência em Ensino Médio Olavo Bilac - Sertânia. Atualmente está fazendo especialização em gestão e coordenação em educação(Pós graduação)

DEIXE UMA RESPOSTA

Faça um comentário!
Coloque seu nome aqui