Policiais militares da equipe PCRural da 2ª Companhia da Polícia Militar sediado em Sertânia, foram acionados para fazer um descolocamento até o Sítio Coxi dos Cadetes, zona rural de Sertânia, onde segundo informações, teria ocorrido um homicídio.

Ao chegar no local citado acima, foi constatada a veracidade dos fatos, tratava-se do idoso de 67 anos de idade,  aposentado MANOEL BEZERRA LINS, mais conhecido por “Manoel de Bevenuto”.

Segundo informações a vítima teve sua casa arrombada pela porta da frente e todos os cômodos revirados.

A vítima encontrava-se caída em decúbito dorsal, com um disparo de arma de fogo de grosso calibre no olho esquerdo, disparo este que o vitimou.

A faca peixeira da vítima, cuja bainha ainda se encontrava em sua cintura, foi encontrada ha pouco metros da frente da casa.

Segundo os policiais informaram ao Tribuna do Moxotó, populares acusam uma elemento de nome APARECIDO NUNES DE ARAUJO, vulgo “Tutu”, residente na cidade de Custódia, o mesmo, ainda segundo os moradores, é acusado de vários furtos naquela localidade.

Uma das testemunhas relatou aos policiais que por volta das 6 horas da manhã, ao passar pela frente da residência da vítima, observou a porta arrombada e por conhecê-lo, entrou para verificar o que havia ocorrido, momento em que encontrou o corpo do seu vizinho caído e já sem vida, saindo em seguida e comunicando o fato a Polícia.

A testemunha relatou também que há alguns anos haviam furtado da vítima duas armas de fogo, porém ele não se encontrava em casa, informando que o mesmo adquiriu um bacamarte, arma esta que foi localizada, podendo até ter sido a utilizada no crime.

Outra testemunha relatou que no dia de ontem, domingo, dia 30, por volta das 19 horas escutou um estampido abafado, porém alto, mas não procurou ver se havia ocorrido algo, pois estava sozinho em sua residência e não pôde sair, a casa da vítima fica a 100 metros da sua.

A testemunha ainda disse que foi informada por populares, que por volta das 20 horas do domingo, logo depois que escutou o estampido, que foi visto um veículo preto, provavelmente um celta, seguindo em direção a pista em alta velocidade.

Os vizinhos informaram que a vítima era divorciada, aposentada e morava sozinha e não tinha intriga com ninguém que pudesse ocasionar o fato.

Os policiais militares fizeram o isolamento da área e comunicaram o fato a Polícia civil de Sertânia. O corpo foi encaminhado para o IML de Caruaru.

DEIXE UMA RESPOSTA

Faça um comentário!
Coloque seu nome aqui