Faleceu na madrugada desta terça-feira, dia 3, o presidente da Assembleia Legislativa de Pernambuco, o deputado Guilherme Uchôa.

O deputado faleceu em consequência do agravamento de um edema pulmonar agudo, seguido de parada cardíaca.

Guilherme Uchôa morreu com 71 anos de idade, pertencia ao PSC. O político estava hospitalizado desde o último domingo no hospital Português, na cidade do Recife.

A assessoria da ALEPE informou que o deputado morreu por volta das 4 horas da manhã desta terça. O presidente da ALEPE passou mal e foi levado para a UPA de Cruz de Rebouças, em Igarassu e em seguida, teria desmaiado e conduzido para o Hospital Português.

Na segunda-feira (2), o boletim médico divulgado pelo hospital informou que Guilherme Uchôa tinha apresentado melhora no quadro de saúde.

Por meio de nota, a unidade disse que o quadro era de pneumonia decorrente de broncoaspiração. Nesses casos, o paciente aspira secreções contidas nas vias aéreas ou de materiais estranhos às vias aéreas.

Guilherme Uchoa estava no sexto mandato parlamentar e presidia a Alepe pela sexta vez consecutiva. Juiz aposentado, ele ocupou o cargo de governador de Pernambuco em virtude de ausência dos titulares.

DEIXE UMA RESPOSTA

Faça um comentário!
Coloque seu nome aqui