Com as presenças de Defensores Públicos, aposentados e servidores, foi celebrado os 20 anos de existência da Defensoria Pública de Pernambuco, criada pela Lei 20/1998, no governo Miguel Arraes. A comemoração ocorreu na sede da Associação dos Defensores Públicos de Pernambuco, na tarde de quinta-feira (14/06). Diversos eventos alusivos à data, serão realizados até dezembro deste ano. Ainda em julho, ocorrerá um grande mutirão com mais de 70 Defensores, numa comunidade do Grande R

A proposta, segundo o Defensor Público-Geral do Estado, José Fabrício Silva de Lima, é levar cidadania, dignidade à população pernambucana e demonstrar as autoridades constituídas a importância da atuação da Defensoria Pública para a população do Estado. Também em julho será realizada uma palestra, a ser proferida pelo Desembargador Amilton Bueno, um entusiasta da carreira da Defensoria Pública.

No evento, José Fabrício agradeceu a Associação dos Defensores por realizar, na sua sede, a celebração da data comemorativa. “A Criação da DPPE foi uma importante conquista do povo pernambucano. Muitos dos que estão aqui presentes, acompanharam o dia em que a Lei Complementar 20/1998 foi aprovada. Ao longo destes 20 anos, a Defensoria Pública alcançou um nível de respeitabilidade na sociedade pernambucana, do qual nós não podemos desviar dele”, enfatizou.

José Fabrício destacou sobre pesquisa realizada pelo Ministério Público do Estado, a qual aferia o nível de satisfação da sociedade pernambucana. O resultado apontou a Defensoria Pública em primeiro lugar. “Isto mostra o quanto o Defensor Público, que diuturnamente atua levando dignidade e cidadania, é a voz dos que necessitam de justiça. Realmente fazemos a diferença, demonstrando o quanto essencial a DPPE é para o Sistema de Justiça”, salientou.

O DPG falou, ainda, dos avanços e perspectivas para o biênio que se inicia, destacando os grandes desafios para o futuro. “Com união, celeridade e equilíbrio fortaleceremos cada vez mais a nossa Defensoria Pública”, frisou, agradecendo o apoio e dedicação de todos que fazem a DPPE: Defensores Públicos, ADEPEPE, servidores, colaboradores e estagiários.

O Presidente da ADPEPE, Edmundo Antônio de Siqueira Campos Barros, por sua vez, disse que o dia 09 de junho é um marco para a Defensoria Pública de Pernambuco. “Jamais esqueceremos a data da criação de nossa Instituição. Foi uma luta que muitos acreditaram e deram força para trabalhar. A caminhada não foi fácil, mas conseguimos. Mas, antes disso, buscamos pareceres. Conseguimos buscar decisões no Supremo Tribunal Federal. Juristas do Brasil inteiro nos apoiaram. Trouxemos Defensores Públicos de todo o País para audiências públicas. Participamos de debates intensos na Assembleia Legislativa do Estado. Vencemos. Saltamos uma grande barreira e agora só temos que comemorar”, disse, emocionado.

Ao falar do evento comemorativo, o presidente ressaltou as conquistas alcançadas nos últimos 20 anos. Ressaltou o engajamento da atual gestão, comandada por José Fabrício: “uma aposta que está dando certo. O conheci quando aprovado no primeiro concurso da DPPE. Hoje o nosso Defensor Geral conta com o apoio da ADEPEPE, na luta por mais conquista para nossa categoria”, disse, agradecendo a presença de todos.

Redação: Fátima Freire/Ascom-DPPE
Fotos: @jhpaparazzo/Ascom-DPPE

DEIXE UMA RESPOSTA

Faça um comentário!
Coloque seu nome aqui