A RUA DA FEIRA VAI SOFRER ALTERAÇÃO EM SUA ROTINA. AGUARDEM!!

Após publicar decreto polêmico sobre as bancas da rua da feira, o prefeito de Sertânia, Ângelo Ferreira, resolve convocar para esta quarta-feira(6), uma reunião com os feirantes que colocam bancas naquela localidade. O decreto nº 014 promete muita polêmica.

Segundo o decreto, o prefeito determina que a partir da data da publicação do decreto, ou seja, dia 1º de junho, as bancas dos feirantes só poderão ficar ali naquele local a partir da quinta, a partir das 4 da manhã ao sábado, às 18 horas. Ficando assim proibida a permanência dessas mesmas bancas em outros dias que não aqueles citados no decreto.

O decreto vai além e promete multar aqueles que infringirem a lei, segundo o documento, as penas estão previstas no código de postura c/c código tributário do município.


PELO QUE PARECE, O PREFEITO DE SERTÂNIA PRIMEIRO DECIDIU, ATRAVÉS DE DECRETO, PROIBIR BANCAS NA RUA DA FEIRA DE DOMINGO A QUARTA, PARA DEPOIS CONVOCAR FEIRANTE. REUNIÃO SERÁ NESTA QUARTA A NOITE NA CÂMARA DE VEREADORES

O prefeito em seu decreto, alega, fazendo várias considerações, que existe a necessidade de organizar as ruas onde se localizam a feira e os moradores. Segundo ele, os moradores estão sendo prejudicados, alegando também em seu decreto, que existe o perigo de meliantes se esconderem naquelas barracas armadas.

A medida é polêmica, porque mexe com a tradição do município, mexe com costumes, a feira ali se concentra há quase um século e que já faz parte da cultura sertaniense visitar a feira de domingo a domingo, sendo que no sábado, a tradição se acende muito mais, por ter um número maior de feirantes e ser o dia oficial da feira livre de Sertânia.

Vamos esperar que haja essa reunião nesta quarta, às 19 horas e que haja um entendimento, mas já se sabe que o Prefeito Ângelo Ferreira, fazendo bem a seu modo, unilateralmente, sem ouvir sequer os feirantes, já tomou sua decisão ao publicar o decreto PROIBINDO BANCAS NOS DIAS DE DOMINGO, SEGUNDA, TERÇA E QUARTA, na rua da feira e ruas adjacentes.

“Acho que era para ele fazer primeiro essa reunião, fazendo antes de publicar esse decreto, mas nos chama para discutir o que, se ele já determinou que não se pode colocar bancas ali? Não vejo sentido”, disse um feirante que coloca banca em uma das ruas  da feira.

Para um governo que não vai nada bem e que, ao longo de um ano e meio, tem feito lambanças e mais lambanças, ele poderia sim, como disse o feirante, primeiro ouvir as partes que estão sendo prejudicadas, moradores dessas ruas e donos de bancas, para depois publicar o tal decreto, mas enfim, se assim procedesse não seria o todo poderoso Ângelo Ferreira.

Vamos aguardar novos capítulos dessa novela, pois tem dono de banca rejeitando o decreto e prometendo não arredar pé.

5 COMENTÁRIOS

  1. Esequias, não sou eleitor do partido vermelho pra chegar aqui e defender, defendo eu que sou morador da feira e sei o quão muitas pessoas reclamam de barracas de Domingo á Domingo sem necessedidade, você acha mesmo certo as pessoas não conseguirem transitar, tirando o direito de ir e vir das pessoas, meu amigo esequias, eu compro agua para minhas necessidades domésticas, a maioria dos carros nao gostam de vir a rua da feira pq a banca sem esta no dia real de feira esta la atrapalhando, serio? Voce acha q isso é correto? Venha a noite Esequias e veja como é esquesito aqui, pq tem bancas armadas con tenda tornado a rua mais escura e ainda usada para o consumo de drogas por serem bastante esquesitas, pq você nao vem aqui e tira uma foto da rua ao lado de lurdinha armarinho numa plena segunda feira de dia e de noite r publica no seu site, as coisas não sao assim, lhe respeito como pessoa e como professional do meio de comunicacao, mais nao venha defender o direito de barraqueiros sem necessidade, queria que você morasse aqui pra sentir na pele, a feira pode continuar sem problemas, agora deixar barraca de feira na rua atrapalhando sem necessidade isso nao da, convido você para tirar fotos em dias que nao tem movinento de feira. Voce de fato deveria vir aqui e perguntar SOS moradores se eles sentem felizes com isso.

    • Caro amigo Leitor Herivelton, compreendo a angustia dos moradores da rua da feira e até dos barraqueiros, mas só acho que o prefeito antes de decidir deveria conversar com todos e até achar uma alternativa de colocar essa feira em algum lugar, a exemplo do que ocorre em Arcoverde e em outros lugares. Tomar decisão unilateral, ofende a democracia! Um grande abraço e obrigado pelo seu acesso ao nosso site.

  2. HERIVELTON, sou solidário a você pelo que você disse quanto a proibição da permanência das BARRACAS FEIRA em outros dias, a não ser o dia oficial da FEIRA de nossa cidade SERTÂNIA.

  3. Amigo esequias, eu não sou contra a retirada da feira na Rua Seis de março, o que defendo é o direito de todos. não tem necessidade de deixar barracas expostas de DOMINGO Á DOMINGO sem necessidade, a noite se torna barra pesada,tanto do consumo de drogas, quanto ao uso de motel, quem mora aqui na rua da feira sabe disso, problema antigo que nenhum político quís mexer, lembro da época do então Prefeito Ivan tentar fazer a remoção da feira pra outro lugar e foi bastante criticado,então tanto feirantes quanto o poder publico municipal tem que se alinhar.Esequias a prefeitura deveria fazer muito mais que isso, fiscalizar monitorar, tem feirante aqui que trata peixe quase no meio da rua, impedindo ate a passagem de carro,citei na rua ao lado do armarinho Lurdinha,é pior do que a 6 de março,rua com varias barracas e com tendas escurecendo a rua, apropriada pra todo ato ilícito,defendo a padronização de bancas e que no mínimo cada feirante coloque sua barraquinha nos dias de fato de movimentação.Não consigo se quer comprar água por que a maioria dos carros que fazem abastecimentos fala logo q rua da feira não da pra passar, é mole?quer dizer que eu tenho a obrigação de pagar IPTU,taxa de iluminação e ficar calado? e o feirante não pode agir com bom senso?então deixo meu reflexo e minha indignação, aproveito o espaço para AGRADEÇER Esequias por ter um meio de comunicação que nos faça ser ouvdo.

  4. Saibamos fazer oposição! Como organizar o município sem ação? isso é claramente bom para toda a população. Vivemos em um país onde ninguém mais pode ir e vir sem está com receio de sofrer um assalto ou até mesmo perder a vida por causa de um objeto. Claramente se observa que aquela localidade é um ótimo local onde Bandidos, Traficantes, usuários de entorpecentes se instalam e até mesmo fugas são de fácil acesso para despistar a polícia, pois um carro não passa por lá. Defender a não organização daquela localidade é contribuir com todos tipos ilícitos de infratores. Para isso pagamos os nossos altos impostos. devemos cobrar, cobrar e cobrar. Quanto a forma de organização daquela localidade, a prefeitura tem que ser mais coerente e organizada nos seus atos, pois são pessoa que utilizam daquele local para tirar o sustento de suas famílias. POPULAÇÃO SEJAM MAIS PRESENTES E COBRE DOS GOVERNANTES E AO RESPONSÁVEIS SEJAM MAIS COMPETENTES.

DEIXE UMA RESPOSTA

Faça um comentário!
Coloque seu nome aqui