Impressionante o grau de barbárie a que chegou o ser humano, notícias nos chegam nas mais variadas formas, notícias que nos afligem a alma, pois vemos que o ser humano a cada dia se torna verdadeiros animais dada a perversidade desses crimes. E não precisamos ir muito longe não, para assistirmos tamanha crueldade.

Na última quinta-feira, dia 10 de maio, por volta das 21:30, elementos estavam bebendo e começaram uma discussão por conta da cachaça e nessa discussão a vítima M.A.C.L., que também bebia foi queimada, os elementos usaram um maçarico para lesionar a mesma.

CRUELDADE: ELEMENTOS AGREDIRAM A VÍTIMA COM PANCADAS NA CABEÇA E NÃO ESTANDO SATISFEITOS AINDA ACENDERAM UM MAÇARICO E A QUEIMARAM
Segundo a vítima, todos bebiam na residência de Nino de Zé Gaia, no Alto do Céu, inclusive ela, que se fazia acompanhar de Nino, Teté e outros, quando começou a tal discussão, momento em que, segundo a vítima, o elemento apelidado de TETÉ e um outro não identificado, acendeu um maçarico, queimado-a em várias partes do corpo, como também produziram um corte em sua cabeça.

Policiais militares, após o fato, efetuaram diligência tentando localizar os referidos elementos acusados pela vítima e até o momento não obtiveram êxito, já que os acusados se evadiram. Já a vítima foi internada no hospital local com queimadura de 1°grau.

Espera-se que a Polícia civil, diante desse crime bárbaro faça valer a justiça, já que segundo informações, não é a primeira vez que este fato acontece. Há relatos sobre um homem queimado do mesmo jeito, ou seja, com maçarico nessa mesma localidade e alguns desses elementos também foram acusados. Resta a polícia civil apurar a veracidade da informação.

A polícia militar passou as informações necessárias para que sejam tomadas as medidas cabíveis.

A vítima ainda se encontra internada sob os cuidados médicos.

COMPARTILHAR
Artigo anteriorAMBEV RECRUTA JOVENS TALENTOS PARA ÁREA DE VENDAS
Próximo artigoEM SERTÂNIA ESPOSO É PRESO APÓS AGREDIR E QUEIMAR ESPOSA
Esequias Cardoso
Esequias Cardoso é professor concursado da rede oficial de ensino do Estado de Pernambuco, graduado e pós graduado em História, pela Autarquia de Ensino Superior de Arcoverde - AESA e Universidade de Pernambuco - UPE respectivamente. Professor do Programa de escola Integral , atuando na Escola de Referência em Ensino Médio Olavo Bilac - Sertânia.

DEIXE UMA RESPOSTA

Faça um comentário!
Coloque seu nome aqui